Acesso à informação

Agência de Notícias da Prefeitura de Ourinhos

Dia da Mata Atlântica reúne 1.500 pessoas no Parque Ecológico

Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável

Por Coordenadoria de Comunicação Social

Ourinhos, São Paulo

Quarta-feira, 31 de Maio de 2017

   

As atividades desenvolvidas no Parque Ecológico Municipal, no Dia Nacional da Mata Atlântica, celebrado em 27 de maio, reuniu cerca de 1.500 visitantes. A programação extensa e gratuita promovida pela Prefeitura de Ourinhos em parceria com as Fio (Faculdades Integradas de Ourinhos) atraiu muitas famílias, estudantes e autoridades para uma das mais importantes áreas de Mata Atlântica preservada da região.

A abertura do evento ocorreu às 13h e teve apresentações de dança, música, literatura e atividades de conscientização sobre preservação ambiental. Estiveram presentes o prefeito Lucas Pocay e a primeira-dama Clara Pocay; o ex-prefeito Claudemir Alves da Silva; o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico Sustentável, Júlio Gurgel; e os vereadores Alexandre Zoio, Caio Lima, Sargento Sérgio e Cícero Investigador.

Nós temos um lugar abençoado em nossa cidade, que é o Parque Ecológico, um bioma da Mata Atlântica. Um lugar onde podemos recarregar nossas energias, e que a cada dia pode ser mais aproveitado pela população. Quero agradecer a todos que fazem parte deste trabalho lindo, de toda equipe do parque, e a todo engajamento na busca pela consciência ambiental que é fundamental para uma vida de sustentabilidade e qualidade de vida para as futuras gerações”, afirmou o prefeito Lucas Pocay.

Em seu discurso o ex-prefeito Claudemir Alves da Silva explicou todo o processo de preservação do parque, que leva o nome de sua falecida esposa, a bióloga Tânia Mara Netto Silva.

A preocupação da Tânia na época, como bióloga e uma pessoa muito sensível, era ver essa reserva se extinguindo. Naquela época eu jamais imaginaria que eu teria oportunidade de ser Prefeito e quando ocupei esse cargo umas das preocupações foi essa, preservar a última reserva de Mata Atlântica dentro do perímetro urbano. Para isso fizemos o projeto do Parque Ecológico, com a ajuda da Unesp que fez um profundo trabalho na área técnica e ambiental. Hoje eu fico muito feliz de ver a importância dada ao parque, pois na realidade quem fez toda essa natureza foi Deus, e o que fizemos foi preservar e montar uma estrutura para que as pessoas pudessem aproveitar esse espaço”, explica.

O objetivo do evento também foi divulgar o papel de destaque do Parque dentro do Estado de São Paulo. Pelo fato de ter mais de 10 hectares de área, o local entra no mapeamento do Ministério do Meio Ambiente.

É uma área de extrema importância para a preservação de biodiversidade, muito mais que um lar dos macacos pregos, ela guarda uma riqueza enorme de vegetação e isso deve ser valorizado” afirma a bióloga e docente do curso de Ciências Biológicas das Fio e organizadora do evento, Carolina da Silva Souza Gessner.

Além das campanhas de conscientização todos puderam prestigiar a “Trilha das Artes”, por todo o trajeto do parque, exposição de pinturas, fotografias, ilustrações, poesias, oficina de fanzines e um jardim sensorial. Foram realizadas também: oficinas de yoga, teatro e aulas de tai chi chuan.

Bruno Silva, morador da Vila Musa, acompanhado da esposa e dos filhos gostou muito das atividades para as crianças. “Ainda não tínhamos vindo ao parque e gostamos muito de conhecer, as crianças adoraram as brincadeiras e o passeio, podia ter mais vezes” diz.

Os alunos do curso de Ciências Biológicas das FIO expuseram todo o levantamento feito pela faculdade do bioma do Parque com sua biodiversidade de insetos, fungos, plantas arborizadas, mudas e os métodos de coleta.

Segundo o Secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Júlio Gurgel tal levantamento é extremamente importante para determinar o equilíbrio que existe entre a mata e a fauna. “Você tem insetos que são indicadores de equilíbrio entre o ecossistema identificando como a natureza está reagindo aos impactos que causamos” explica

O Parque Ecológico funciona de segunda a sexta – feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Em feriados e aos finais de semana das 8h às 18h.

 

Travessa Vereador Abrahão Abujamra, 62
Centro - CEP:19.900-900 - Fone: (14) 3302-6000

© 2017 Prefeitura Municipal de Ourinhos - Todos os direitos reservados.

alc propaganda